Investimentos na saúde: Prefeitura adquire novos equipamentos para intensificar o combate à Esquistossomose


Saúde é uma das grandes prioridades da atual gestão municipal e os investimentos em prol do bem estar da população não param de ser anunciados.
Na tarde desta terça-feira (06), a Secretaria de Saúde adquiriu mais dois novos microscópios. Os equipamentos serão utilizados na leitura de exames relacionados ao programa de prevenção e tratamento da Esquistossomose e verminoses em todo o município, possibilitando maior agilidade nos resultados dos exames que já são oferecidos.
“É com satisfação que anunciamos mais essa melhoria na área da saúde. Os equipamentos farão parte do laboratório de endemias, oferecendo um aumento da assistência dos programas da Vigilância Ambiental. Nosso empenho é oferecer mais qualidade nos serviços públicos de saúde”, destacou a Secretária de Saúde, Fernanda Santana.
Até agora, mais de 2.500 exames que identificam a Esquistossomose já foram realizados através do tratamento seletivo implantado nas Unidades de Saúde do sítio Lagoa do Fernando e do bairro Maria Auxiliadora. 
De acordo com Pietra Lemos, Assessora da Vigilância Ambiental, os equipamentos vão ampliar ainda mais os serviços ofertados pelo município.
“ Vai ser possível aumentar o número de procedimentos para dar uma maior cobertura à população e, assim, reduzir os índices, tanto nos casos de Esquistossomose, quanto nos casos de verminoses”, explicou.
Saiba mais sobre a doença:
A Esquistossomose é uma infecção provocada pelo verme parasita Schistosoma Mansoni que contamina o ser humano através do caramujo de rios e correntes de água doce. Ela causa o aumento do fígado, do braço e é popularmente conhecida como barriga d’água. 
A doença ainda causa problemas no sistema urinário, podendo gerar, até mesmo, sangramento na urina. Realizando o diagnóstico precoce, é possível evitar que a doença se desenvolva ao ponto de se tornar crônica.
Axact

Tiago Coelho

Olá, Sou Criador do site rede anuncio, uma revista online de notícias de Pernambuco.

Post A Comment: