Se você decidiu investir em Marketing Digital no seu negócio, você já fez uma escolha muito inteligente. Afinal, mais de ⅔ da população mundial está conectada. E como a premissa de que para ter sucesso é preciso estar onde o seu público esté é corretíssima, é mais do que natural ver o crescimento de empresas que estão investindo no ambiente digital.
Segundo o Facebook, hoje já há mais de 3 milhões de anunciantes ativos por todo o mundo, fazendo seus negócios crescerem graças ao poder de escala e segmentação de rede. Talvez você seja um desses anunciantes que vêm investindo nas plataformas digitais, porém que ainda não enxergaram nenhum resultado.
Provavelmente você deve estar cometendo algum erro nos seus anúncios, como direcionar o usuário para uma página errada, escolher mal as palavras-chaves, anunciar no canal errado ou simplesmente não estar mensurando os seus resultados.
Mensurar e analisar os resultados de maneira efetiva buscando melhorias na sua estratégia é uma das grandes vantagens de investir em Marketing Digital. Através da análise dos dados você pode otimizar sua estratégia de marketing, a fim de obter o melhor resultado possível. Além disso, a mensuração de resultados permite a avaliação dos seus investimentos, se eles estão tendo um retorno positivo ou se está na hora de mudar a estratégia.
Porém, muitas empresas ignoram esse processo, que é tão importante quanto a escolha da mídia, a definição do público-alvo ou do alinhamento com a equipe de vendas. Isso acontece por um simples motivo: não possuírem um planejamento estratégico. Sem isso, a empresa não consegue definir quais métricas devem ser analisadas.
A falta de foco também é um motivo bem comum. Muitas empresas acabam gastando recursos para gerar análises simples e rasas, que não são capazes de mostrar o que realmente precisa ser melhoradoe até mesmo o que está dando certo, nos investimentos de Marketing Digital.  
Então, se você quer parar de gastar dinheiro e quer começar a ganhar dinheiro, está na hora de mensurar seus resultados. Para isso, confira essas 5 dicas para a mensuração resultados de forma simples:

1. Defina metas

Primeiramente, estabeleça as metas e os principais objetivos da sua estratégia de marketing. Você precisa ter bem claro o que você espera com essa campanha: mais curtidas, maior visibilidade da sua marca, aumentar suas vendas pela internet?
Também é preciso ter definido quem é seu público-alvo e conhecê-lo muito bem. Assim, você saberá quais os melhores canais para alcançar o seu objetivo (Facebook, Instagram, Buscador do Google, YouTube, etc.), podendo definir prazos para obter os resultados e fazendo testes.

2. Analise o ROI (Return on Investment ou Retorno Sobre o Investimento)

Essa é, sem dúvida, uma das métricas mais importantes a ser analisada. No marketing digital, o cálculo do ROI tem como função mensurar o quanto de rendimento determinada campanha resultou para a empresa.
E calcular o ROI é simples: basta subtrair o Investimento Inicial do Ganho Obtido e dividir o resultado pelo investimento inicial.
ROI = (Ganho Obtido – Investimento Inicial) / Investimento Inicial
Exemplo: o Investimento Inicial da sua campanha foi de mil reais e o Ganho Obtido da sua empresa foi 10 mil, logo:
ROI = (10.000 – 1.000) / 1.000 = 9
Neste caso, o retorno foi 9 vezes maior que o investimento inicial. Geralmente o ROI é calculado em porcentagem, então basta multiplicar o resultado por 100. Logo, o Retorno Sobre o Investimento foi de 900%.
É extremamente importante que os valores utilizados no cálculo sejam obtidos pela soma de todas as vendas realizada através da estratégia, subtraindo o valor investido nas ações de Marketing Digital.
Com os dados do ROI em mãos, você conseguirá identificar quais as fontes de lucro da empresa, quais canais de comunicação são mais efetivos e quais fontes estão apresentando melhores resultados em vendas.

3. Como está sua Taxa de Conversão?

Muito utilizada para medir o resultado de vendas, a taxa de conversão pode ser utilizada para calcular vários resultados, como cliques, acessos, vendas, cadastros, entre outros.
Na mensuração das vendas, essa métrica é importante para compreender e identificar falhas e acertos no processo de compra, para desenvolver ações que resolvam esses problemas e aumentem os valores dessa taxa.
E para calcular a taxa de conversão, basta dividir o número de conversões geradas pelo de visitantes. Ou seja, se a landing page que você criou para divulgar algum material rico teve 340 cadastros de 750 visitas, quer dizer que sua taxa de conversão foi de 45%. Ou seja, quase metade das pessoas que acessaram sua página preencheram o formulário.

4. Não esqueça da Taxa de Rejeição

A taxa de rejeição é uma métrica que em hipótese alguma deve ser rejeitada, pois ela mostra a porcentagem de usuários que abandonaram a sua página assim que acessaram. Ela mostra como o usuário deixou a sua página: fechando a página, voltando para a página anterior, clicando em um link na sua página que levou para outro site ou até mesmo ficando inativo na mesma página por mais de 30 minutos.
Com o Google Analytics você pode mensurar esse tempo de permanência do usuário. E quanto maior for o número dessa métrica, significa que a usabilidade do seu site ou e-commerce está malfeita. Provavelmente, os problemas estão na disposição do conteúdo, layout pouco intuitivo, site lento, dentre outros.
E não, não existe um valor padrão para a taxa de rejeição. Há vários fatores que podem influenciar, como a área de atuação da empresa ou o objetivo da página.  

5. É importantíssimo analisar o CAC (Custo de Aquisição de Clientes)

Calcular o valor de cada novo cliente gerado pela sua estratégia de marketing também é muito importante. Com ela, é possível saber quanto custou para a empresa cada cliente. Se os valores forem muito altos, está na hora de rever sua estratégia ou analisar quanto tempo você precisará mantê-los consumindo seus produtos/serviços para que compense o valor investido.
Para calcular o Custo de Aquisição de Clientes, basta dividir o investimento pelo número de vendas. Salário da equipe, verba de mídia, comissão dos vendedores, softwares de automação, CRM, entre outros, são coisas que envolvam gastos de marketing e vendas, então, devem ser levados em conta no cálculo do investimento.
Se o valor do CAC for baixo, significa que você está no caminho certo e suas estratégias de marketing estão trazendo clientes, sendo um ótimo custo-benefício. E aí, você já analisou essas métricas na sua empresa? Não? Então está na hora. Agora, se nem uma estratégia de marketing digital você tem, é melhor começar a se agilizar ou vai acabar ficando para trás.
Axact

Tiago Coelho

Olá, Sou Criador do site rede anuncio, uma revista online de notícias de Pernambuco.

Post A Comment: