O comércio eletrônico brasileiro tem apresentado constante crescimento e as lojas on-line estão cada vez mais profissionais graças ao fácil acesso à tecnologia. Porém, ainda há uma área que parece ser problemática para muitos varejistas on-line, a qualidade da imagem dos seus produtos.

O relatório de comércio eletrônico Webshoppers, realizado pelo E-bit e Buscapé Company aponta que no primeiro semestre de 2015, o e-commerce brasileiro apresentou um crescimento de 16% em relação ao mesmo período do ano anterior, contabilizando um faturamento de R$ 18,6 bilhões.

Imagine que ao entrar em uma loja virtual, o consumidor encontra o produto que tanto almeja, mas ele não pode vê-lo adequadamente pois as imagens são pequenas, um pouco embaçadas e há apenas uma foto de cada produto. Será que ele irá inspirá comprar? Provavelmente não, e há duas razões para isso: o consumidor não consegue ter tanta certeza de como o produto realmente é ou ele duvida da confiabilidade da loja por apresentar imagens pouco profissionais.

De acordo com um teste A/B realizado pela Visual Website Optimizer (software flexível de testes variados), imagens maiores aumentam as vendas em até 9%.

Veja alguns requisitos essenciais para as imagens do seu e-commerce:


– Tamanho: é importante que as suas fotos tenham um tamanho adequado para alcançar alta qualidade. Praticamente todas as câmeras digitais lançadas nos últimos cinco anos, e até mesmo os smartphones, podem reproduzir imagens de alta resolução. As fotos dos produtos on-line devem ter pelo menos 2000 pixels, pois você poderá utilizam zoom nas imagens e elas também serão aceitas em todos os principais mercados online.

 Função zoom: para mostrar os detalhes do produto é muito importante que o consumidor possa ampliar a imagem para ver os detalhes que possam lhe interessar. Para adicionar o zoom ao e-commerce basta instalar um plugin no site, mas mesmo assim é interessante disponibilizar várias imagens ampliadas dos detalhes mais importantes do produto.

– Alinhamento e margens: determinar um padrão de alinhamento e margem branca nas imagens e criar páginas de categoria de produtos visualmente consistentes, resulta em uma melhor experiência de compra ao usuário. O mais importante é que páginas de categoria de itens com aspecto profissional constroem uma relação de confiança com os clientes e apresentam sua loja on-line como um negócio respeitável.

Leia também: [Vídeo] Como vender mais no E-commerce: o produto coringa

– Sombras: as sombras podem favorecer ou arruinar uma imagem de produto. Uma foto feita com má iluminação pode lançar sombras desagradáveis sobre o produto, no entanto, se bem iluminada, a sombra sutil pode adicionar profundidade e dimensão à fotografia. Há diferentes tipos de sombra que podem ser usadas, sendo criadas durante a sessão de fotos ou na pós-produção. As sombras naturais são criadas a partir da utilização de uma fonte de luz natural, tal como uma janela, já as refletoras são produzidas com o auxílio de refletor durante a sessão de fotos ou na pós-produção e, por fim, as sombras amplas podem ser produzidas de diversas maneiras em um estúdio de fotografia.

– Fundo: um fundo liso e limpo é um fator relevante ao criar as imagens do produto. Para a maioria dos produtos um fundo branco liso é o mais adequado. Ao mesmo tempo, este fundo branco também permitirá que você use as mesmas fotos de produtos em muitos mercados on-line. O ideal é utilizar o mesmo fundo para todos os produtos, pois isso dará consistência e profissionalismo ao e-commerce.

– Ângulos: mostrar vários ângulos do produto é crucial. Isso também ajudará o cliente a entender o tamanho do item, visualizar melhor os detalhes do produto, como: bolsos extras, forro, costura especial, etc. Para cobrir bem um produto, fotografe a frente, a parte de trás, na diagonal, o fundo, o topo, o interior e os detalhes do produto. Quanto mais imagens você fornecer, melhor!

– Cor: a cor é outro fator importante para a experiência de compra online. As cores da imagem devem corresponder as do produto para mostrar aos clientes o que eles vão receber e reduzir as devoluções. É importante saber que as telas de computador, bem como navegadores web, tem um perfil de cores diferente, o que significa que cada tela e navegador interpreta as cores um pouco diferente. Para corrigir esse problema e ter a certeza de que as suas imagens de produto são as mais fiéis possíveis, recomendamos que você mude os seus arquivos .jpeg para o perfil de cor SRGB.

– Suportes: o uso de suportes pode ser útil para a sua imagem, especialmente se você precisa mostrar as funções de um produto ou o tamanho dele. No entanto, o suporte não deve desviar a atenção do produto e só considere usá-lo em uma imagem da série. No caso de acessórios, ter o produto mostrado por uma modelo pode ajudar o cliente a compreender o tamanho real dele.

O tempo gasto na produção da imagem está diretamente ligado a conversão de vendas da loja virtual. Lembre-se que a pós-produção (edição e retoque de imagens) também é um passo fundamental para criar imagens comerciais de produtos.

 
Axact

Tiago Coelho

Olá, Sou Criador do site rede anuncio, uma revista online de notícias de Pernambuco.

Post A Comment: